Notícias » Brasil

 

Últimas notícias

  • 12/10 17:05 - Ladrão não perdoa e rouba celular de criança

    Continuar lendo
  • 12/10 17:04 - Dupla em uma motocicleta rouba R$ 6 mil e documentos de vítima

    Continuar lendo
  • 12/10 17:04 - Após furto, homem é preso em lagoa

    Continuar lendo
  • 6/6 9:50 - Claudia Leitte, Daniel e Lulu Santos serão técnicos do "The Voice

    Continuar lendo
  • 6/6 9:49 - Sem patrocínio, Record não dará carros a participantes de "A Fazenda 5"

    Continuar lendo
  • 6/6 9:47 - Globo tem melhor ibope do ano e cresce 7% em horário nobre

    Continuar lendo
  • 6/6 9:46 - Silvio Santos lança o concurso "as mais belas pernas do Brasil"

    Continuar lendo
  • 26/8 10:17 - Datena muda de advogado em briga contra a Record

    Continuar lendo
  • 26/8 10:14 - Mulher Melancia diz que os homens não querem mais saber dela

    Continuar lendo
  • 26/8 10:13 - "Big Brother Brasil 12" vai apostar em participantes mais jovens

    Continuar lendo

Homem provoca a própria prisão para ficar perto do filho na cadeia

Terça-feira, 5 de Abril de 2011 às 18:47

Botucatu – Uma ocorrência no mínimo inusitada foi registrada no início da madrugada de ontem, em Botucatu (100 quilômetros de Bauru). Após telefonar para a Polícia Militar (PM) pedindo para ser preso, um homem de 48 anos, que a polícia constatou estar embriagado, arremessou seu veículo contra viatura da PM estacionada no pátio de um posto de combustível e agrediu policiais. O motivo: ele queria ser preso para ficar perto do filho, que está detido na Cadeia Pública da cidade desde o último dia 25, acusado de extorsão.

Segundo a PM, o fato ocorreu por volta da 1h49, no posto localizado na rua Cesário Motta, vila dos Lavradores. Dois policiais estavam em patrulhamento pelo bairro e, após estacionarem a viatura no local, perceberam que a caminhonete S10 de cor preta, placas CFU-8190, de Botucatu, conduzida por Lauro Borges Pereira, se aproximava do carro policial em alta velocidade.

No momento da colisão, os policiais já haviam desembarcado da viatura, um Astra Sedan de cor branca, placas CDV-3164, de São Paulo. Além de pequenos danos na parte dianteira do lado esquerdo, o choque provocou danos no para-choque, farol, para-lamas e capô do carro. A caminhonete teve danos na parte dianteira do seu lado esquerdo, no para-choque e no para-lama.

O acusado confessou aos policiais que a colisão havia sido proposital. Ele alegou que queria ser preso para ficar ao lado do filho, Wellington Borges Pereira, que está na cadeia local desde 25 de março, quando foi detido em flagrante por equipe do Grupo Especial de Patrulhamento Ostensivo com Motocicletas (Gepom) da Guarda Civil Municipal (GCM) e autuado por extorsão.

Apesar de apresentar sinais evidentes de embriaguez, Pereira recusou-se a ser submetido ao teste do etilômetro (bafômetro). Preso em flagrante, ele foi levado ao plantão policial, onde um médico legista contatou que ele estava alcoolizado.

Na unidade, bastante alterado, o homem ainda desacatou e agrediu policiais militares e civis e só foi contido após uso de força física. Segundo a polícia, antes de provocar a colisão contra a viatura da PM, ele havia telefonado para o 190 pedindo para ser preso.

Em razão da série de infrações cometidas, Pereira, que já cumpriu pena por homicídio, foi autuado em flagrante por embriaguez ao volante, dano ao patrimônio público, lesão corporal e desacato e resistência. No final da madrugada, ele foi recolhido à Cadeia Pública local, onde finalmente teve sua vontade cumprida e pôde ficar ao lado do filho. O caso foi encaminhado ao delegado Marco Morés, titular do 2º Distrito Policial (DP) de Botucatu.

© Rádio Comunitária Educadora Ruah FM
BRLOGIC